nav-left cat-right
cat-right

Sintomas relacionados com Alergia Alimentar

Aos leitores do meu site:

Estou escrevendo este texto introdutório nesta página e em algumas outras mais acessadas para passar informações importantes e pertinentes aos objetivos do meu trabalho.

O objetivo inicial e primordial do site é trazer informações novas e questionamentos importantes acerca do conhecimento científico humano, em particular da medicina e afins, ampliando nossos pontos de vista para aspectos inusitados do ser e do saber humanos.

Sendo assim eu questiono aqui os limites do conhecimento científico e alopático, esperando que as pessoas analisem a saúde de uma forma mais complexa e que os médicos revejam seus conceitos cristalizados em suas formações específicas.

Mas alguns temas acabaram virando fontes pessoais de consultas e esclarecimentos que fogem ao propósito do site, tais como análise de exames particulares e dúvidas em relação à conduta de outros colegas meus, a maioria alopatas.

No momento deste esclarecimento eu tenho em média 1.000 acessos por dia e estou com 1.759 perguntas respondidas e 581 à espera de resposta, o que está inviabilizando a publicação de novos temas e novas páginas (66 atualmente).

O que eu percebo também é que as pessoas leem apenas o texto principal e não se atém às perguntas respondidas por outros leitores, fazendo com que muitas perguntas sejam repetitivas, assim como suas respostas.

O que eu espero, a partir deste aviso, é que as pessoas leiam tudo o que está escrito no texto e também tudo o que está escrito nas outras páginas relacionadas ao tema, antes de fazer a pergunta, que provavelmente já está respondida em outro lugar.

Espero, também, que as pessoas levem aos seus médicos o endereço do meu site e convidem os seus médicos a lerem os textos para que eles ampliem sua visão pessoal e a saúde no Brasil possa melhorar de uma forma bem mais ampla e benéfica.

Muitas perguntas feitas são casos de emergência médica e este site não é da Ecco Salva, SIATE ou dos bombeiros que atende aos pedidos de urgência. Uma pessoa uma vez escreveu que estava se afogando e queria saber o que fazer naquele momento!

Enfim, o objetivo principal é passar novas informações e formar novas opiniões e por isso agradeço se você, leitor, passar estas ideias para frente, para seus amigos e para seus médicos, o que já será de grande valia.

Abraços a todos.

ALERGIA ALIMENTAR E SÍNDROME DE ADIÇÃO

Uma das questões mais interessantes e indesejáveis das alergias alimentares é que o alimento alergênico leva o paciente ao vício e à compulsão por aquele alimento específico (“Síndrome de Adição”).

Isto acontece porque quando o intestino recebe um alimento reativo (alergênico) ocorre um aumento na produção de endorfinas e de CIC (Compostos Irritativos Circulantes). Estes CIC causam irritação e inflamação de tecidos e órgãos. A partir daí o cérebro libera mediadores opióides para tranqüilizar o organismo e resistir o ataque dos CIC, causando uma ativação ou um estímulo físico ou emocional, dependendo do alimento agressor. Portanto o paciente alérgico fica, na realidade, viciado em suas próprias secreções opiódes cerebrais, como acontece com outras substâncias viciantes.

Além disso, apesar de ser um tema complexo e não aceito pelas comunidades científicas oficiais, a lista de sintomas relacionados direta ou indiretamente com as alergias alimentares é enorme e aparecem em uma série de pesquisas independentes:

SINTOMAS COMUNS ÀS ALERGIAS

 

CABEÇA:

Círculos avermelhados.

Sudorese sob os olhos.

Enxaquecas e Cefaléia em Salvas (Cluster Headache).

Sono interrompido de madrugada.

Tonturas e desmaios.

Sonolência pós-prandial (logo após as refeições).

Insônia.

Sensação de peso na cabeça.

OLHOS, OUVIDOS E NARIZ:

Coriza, entupimento e muco excessivo.

Zumbidos auditivos e tinidos.

Lacrimejamento. Visão turva.

Infecções auditivas recorrentes e secreção auditiva.

Dores de ouvido.

CORAÇÃO E PULMÕES:

Congestão torácica e broncoespasmo.

Asma e anafilaxia induzida pelo exercício.

Crise  hipertensiva várias horas depois de ingerir um alimento reativo.

Palpitações, arritmias, taquicardia, aumento da freqüência cardíaca após comer um alimento reativo.

Dor torácica.

BOCA E SISTEMA DIGESTIVO:

Alterações da voz.

Coceira no céu da boca.

Dificuldade de engolir

Garganta seca com sensação de garganta inflamada sem outra causa aparente.

Aftas.

Sensação ou gosto de produtos químicos na boca.

Cólica.

Vômito.

Diarréia.

Sangue nas fezes.

Constipação.

Gases.

Colite.

Náuseas.

PELE:

Palidez.

Dermatite herpetiforme.

Eczemas.

Erupções e rashes.

Unhas e cabelos quebradiços.

Alopécia areata (“pelada”, ou queda repentina dos pelos nas áreas afetadas).

SINTOMAS GERAIS:

Micção freqüente ou urgência miccional.

TPM.

Prurido vaginal e corrimento.

Fadiga crônica.

Prurido anal.

Obesidade, flutuação fugaz de peso.

Artrites e dores articulares.

Vontade anormal para comer certos alimentos e comer fora de hora.

Dores nas mãos, pés e tornozelos.

Dores musculares.

SINTOMAS LIGADOS AO SISTEMA NERVOSO CENTRAL:

Déficit de atenção.

Ansiedade.

Síndrome de pânico.

Diminuição de coordenação motora.

Agressividade, inquietação e gagueira.

Certas formas de autismo e esquizofrenia.

Depressão e crises de choro.

Hiperatividade em crianças e adultos.

Voz sussurrada.

A seguir vamos enumerar os sintomas de Má Adaptação ao Meio Ambiente, elaborados por Randolph, citado na página anterior:

A- NÍVEIS DE ADIÇÃO (Estimulação)

Mais 1: Raramente visto pelo médico: são pessoas alegres e de alto astral e medianamente excitados São saudáveis ao extremo.

Mais 2: Frequentemente visto pelo médico.

- Hiperatividade em crianças e adultos

- Obesidade

- Alcoolismo

Mais 3:

- Egocentrismo

- Ansiedade

- Nervosismo ao extremo

- Tremores

- Comportamento de alcoolizado com incoordenação motora

Mais 4:

- Mania, com ou sem convulsões

- Crise epiléptica

- Reações catatônicas

- Agitação psicomotora

- Pânico

- Pensamentos, movimentos e fala repetitivos (obsessivo-compulsivo)

 

B- NÍVEIS DE SUBTRAÇÃO (Abstinência )

Menos 1: Sintomas físicos localizados. É o campo do alergista ortodoxo

- Sinusite, rinite, asma, urticária, eczema e dermatite de contato

Menos 2: Sintomas físicos sistêmicos. Raramente diagnosticado pelos médicos.

- fadiga, dor de cabeça, dores musculares, dores articulares, gastrite, colite

Menos 3: Sintomas mentais e alterações do comportamento

- depressão leve

- confusão mental

- diminuição da memória

- indecisão

- “Brain Fag” (cansaço crônico, dores de cabeça e problemas cognitivos vários (dificuldades de concentração, problemas de memória, etc.)

- mudanças do humor

Menos 4: Sintomas mentais mais severos

- depressão grave

- psicoses

- reações mentais com alterações da percepção e da consciência

No Brasil, José Arnaldo Gaertner e Jorge Cavalcanti Boucinhas em experiência clínica de longos anos no estudo da alergia alimentar, relatam os principais sinais e sintomas da alergia alimentar:

I – Gastrointestinais:

- Náuseas, vômitos, diarréia, constipação, flatulência, eructação, gastrite, cólicas intestinais, cólon irritável, Doença de Crohn, prurido anal, língua saburrosa, sintomas aparentes de problemas da vesícula.

II- Dermatológicos:

- Erupções, assaduras, eczemas, dermatites herpetiformes, pele seca, caspa, unhas e cabelos quebradiços

III- Otorrinolaringológicos:

- Coriza e congestão nasal, lacrimejamento, visão turva, estalos, zumbidos e dor de ouvido, sensação de descer a serra, surdez, infecções de ouvido recorrentes, prurido e corrimento auditivos, dores de garganta, rouquidão, tosse crônica, prurido no céu da boca, sinusite recorrente.

IV- Cardiopulmonares:

- Palpitações, arritmias , taquicardia, asma, congestão no peito e bronquite

V- Outros sinais e sintomas:

- Fadiga crônica, artrites, dores musculares e articulares, edema de mãos, pés e tornozelos, sintomas urinários como polaciúria, ardência e urgência miccional, prurido e corrimento vaginal, variação rápida de peso (de 1 a 1,5 Kg ou mais, correspondendo a inchaço), bulimia e anorexia nervosa, dores de cabeça , enxaqueca, inchaço e rugas sob os olhos (“olheira”), tontura , vertigem , zonzeira.

Embora esta lista possa parecer exagerada e fantasiosa, eu já tive pacientes que foram considerados alérgicos a determinados pacientes e curaram diversos sintomas com a exclusão dos alimentos alergênicos, tais como: ansiedade, palpitação, crise hipertensiva, enxaqueca, eczema, TPM, hemorragia intestinal, gases, náuseas, distensão abdominal, hiperatividade, déficit de atenção, depressão, etc.

A ocorrência destes sintomas dependem em grande parte do que se conhece como “órgão alvo”, que é o órgão mais fraco geneticamente falando. Cada família tem um sistema ou órgão mais frágil, como coração, figado, intestino, pulmão, pele, cérebro, etc. e é normalmente neste órgão ou sistema que a alergia alimentar vai apresentar seus primeiros e mais importantes sintomas.

Vale a pena também lembrar aqui que o intestino delgado já foi chamado de “segundo cérebro”, por produzir a maior parte da serotonina utilizada pelo cérebro, o que justificaria os problemas emocionais das pessoas que têm alergia alimentar: a alergia provoca inflamação crônica do intestino, o que leva à alteração da produção da serotonina e com isso uma perda do controle emocional.

Alimentos mais comumente reativos, na população em geral:

Leite de vaca (e seus derivados = queijos, requeijão, ricota, iogurtes, nata, etc.).

Glúten: Trigo, aveia, cevada, centeio e malte (tanto integral quanto processado).

Ovo. Tomate. Cenoura. Batata inglesa. Soja.

OUTROS: (menos comuns) batata doce, cana de açúcar, cacau, café, amendoim, camarão, galinha, pimentão, carne de porco, de peru e carne bovina.

FRUTAS: manga, pêssego, mamão papaia, abacaxi, maçã, morango, abacate, banana.

ÓLEOS COMESTÍVEIS: amendoim, oliva, milho, soja, girassol, algodão, arroz.

Outros dados sobre alergias alimentares

(1) A prevalência de alergias a amendoim quase dobrou em um período de cinco anos nos EUA.

(2) Um pequeno grupo de alimentos é responsável por aproximadamente 90% das alergias alimentares. Estes são: leite, ovos, soja, amendoim, frutas oleaginosas (nozes, castanhas, e similares), trigo, frutos do mar e peixe.

(3) Enquanto nos adultos as alergias normalmente persistem pela vida toda, as crianças podem deixar de ter alergia a determinados alimentos conforme elas crescem.

(4) O único tratamento oficial para as alergias alimentares é a eliminação completa do alimento que causa a reação alérgica da dieta.

(5) Os sintomas de uma alergia alimentar podem diferir bastante entre indivíduos, variando desde um desconforto leve até reações potencialmente fatais. Os sintomas incluem por exemplo, inchaço dos lábios e língua, irritação da pele e sintomas gastrointestinais (diarréia, náusea e vômitos). Coriza e falta de ar também são freqüentes. Alguns indivíduos podem desenvolver reações anafiláticas.

(6) A reação anafilática é uma reação alérgica por IgE potencialmente fatal. Os sintomas geralmente aparecem rapidamente após a ingestão do alérgeno e podem envolver a pele (coceira, vermelhidão, brotoejas), inchaço da garganta e dificuldade de respirar, sintomas gastrointestinais e perda da consciência. Cuidados médicos urgentes são necessários e geralmente incluem a aplicação de injeção de epinefrina (adrenalina).

(7) Os amendoins e frutas oleaginosas (nozes, castanhas e afins) estão entre os maiores responsáveis por estas reações alérgicas fatais.

(8) A cada ano estima-se que nos Estados Unidos as reações anafiláticas sejam responsáveis por cerca de 30mil atendimentos hospitalares emergenciais, 2.000 internações e 150 mortes.

(9) As alergias alimentares são diferentes das intolerâncias alimentares. As alergias alimentares são reações adversas a determinados alimentos causadas pelo sistema imunológico. Já as intolerâncias alimentares não são mediadas pelo sistema imunológico e geralmente não são fatais.

294 Responses to “Sintomas relacionados com Alergia Alimentar”

  1. Natália disse:

    Olá Dr.,
    há três meses tenho tido vermelhidão na garganta e coceira no pescoço, dores de ouvido, ‘tremores’ no corpo, coração disparado, refluxo, dores intestinais, coceira, fezes finas, tontura, vista turva e fiz tratamento para candidíase sem eficacia. Percebi que a maioria desses sintomas se manifestam depois de eu me alimentar…no começo era somente com leite e derivados, agora quando como massa também. Fui ao clinico geral, mas ele não diz nada. Sou de Curitiba e tentei marcar consulta com com um médico especializado em alergia, mas pelo meu plano só tem consulta para janeiro de 2013. É muito grave? Já estou ficando com pânico de tanto sintoma. Obrigada pela atenção!

    • Natália:

      Seus sintomas são, muito provavelmente, causados por alergia alimentar, e aconselho você a buscar o quanto antes uma avaliação com um especialista.
      Mas não me surpreenderia se você se decepcionar com os atendimentos, porque os médicos alopatas raramente entendem do assunto.
      Eu trabalho em Curitiba, mas não atendo nenhum tipo de convênio, pelo absurdo que eles representam para médicos e pacientes.
      Se você estiver acompanhando as notícias sobre os planos de saúde, deve saber que existe uma legislação sobre o tempo máximo para o plano marcar uma consulta para o usuário.
      A Resolução nº 259 da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) impõe mais rigor aos planos de saúde no cumprimento de prazos de atendimento aos pacientes: os beneficiários não poderão esperar mais que sete dias por uma consulta com especialistas das áreas de pediatria, clínica médica, cirurgia geral, ginecologia e obstetrícia. Para as outras especialidades o prazo de espera será de até 14 dias. Para consultas e sessões com fonoaudiólogos, nutricionistas, psicólogos, terapeutas educacionais e fisioterapeutas o prazo de espera terá que ser garantido pelas operadoras em até dez dias.
      Independente de qual seja o seu convênio, entre em contato com o PROCON e abra um processo judicial.
      Abs.

    • Mari disse:

      Natália, Dr Paulo, como vão?
      Fiquei impressionada com seu relato, pois estou tendo o mesmo problema, uma vez que já tenho asma há muitos anos,mas ultimamente exacerbada. Nenhum médico me deu um diagnóstico preciso, estou fazendo uso de corticóides de 15 em 15 dias e tendo suas reações.
      Tudo que escreveu tenho. Chego a ter laringite de sufocar. Você conseguiu ter algum resultado melhorando a alimentação? Gostaria de ter um direcionamento,por favor. Grata, abraços.

      • Mari:

        A maioria das pessoas pensa que alergia alimentar vai dar sintomas só na barriga e alergias respiratórias, só no nariz e no pulmão…
        Mas isto não é verdade. O sistema que vai apresentar os sintomas é o sistema geneticamente mais frágil.
        Faça exames para descobrir se você tem alguma alergia alimentar, ou retire por uns 7 dias aqueles que você desconfia e observe o resultado.

        Abs

  2. Natália disse:

    Olá Dr.,
    há três meses tenho tido vermelhidão na garganta e coceira no pescoço, dores de ouvido, ‘tremores’ no corpo, coração disparado, refluxo, dores intestinais, coceira,gazes,dores intestinais, fezes finas, tontura, vista turva e fiz tratamento para candidíase sem eficacia. Percebi que a maioria desses sintomas se manifestam depois de eu me alimentar…no começo era somente com leite e derivados, agora quando como massa também. Fui ao clinico geral, mas ele não diz nada. Sou de Curitiba e tentei marcar consulta com com um médico especializado em alergia, mas pelo meu plano só tem consulta para janeiro de 2013. É muito grave? Já estou ficando com pânico de tanto sintoma. Obrigada pela atenção!

    • Natália:

      Seus sintomas são, muito provavelmente, causados por alergia alimentar, e aconselho você a buscar o quanto antes uma avaliação com um especialista.
      Mas não me surpreenderia se você se decepcionar com os atendimentos, porque os médicos alopatas raramente entendem do assunto.
      Eu trabalho em Curitiba, mas não atendo nenhum tipo de convênio, pelo absurdo que eles representam para médicos e pacientes.
      Se você estiver acompanhando as notícias sobre os planos de saúde, deve saber que existe uma legislação sobre o tempo máximo para o plano marcar uma consulta para o usuário.
      A Resolução nº 259 da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) impõe mais rigor aos planos de saúde no cumprimento de prazos de atendimento aos pacientes: os beneficiários não poderão esperar mais que sete dias por uma consulta com especialistas das áreas de pediatria, clínica médica, cirurgia geral, ginecologia e obstetrícia. Para as outras especialidades o prazo de espera será de até 14 dias. Para consultas e sessões com fonoaudiólogos, nutricionistas, psicólogos, terapeutas educacionais e fisioterapeutas o prazo de espera terá que ser garantido pelas operadoras em até dez dias.
      Independente de qual seja o seu convênio, entre em contato com o PROCON e abra um processo judicial.
      Abs.

  3. IVANGELI SOARES( FEMININO) disse:

    TENHO 30 ANOS,TUDO COMEÇOU QUANDO EU TINHA 25 ANOS!

    ESTOU TOSSINDO ATÉ DAR AQUELES VOMITOS DE GOSMA 4 MESES SEM PARA,EM UM OUTRO EPISODIO DESSE A MÉDICA ME MEDICOU,CORTISONA,AEROLIN SPREY,E MIFLASONA 400MCG

    EU PAREI DE TOMAR,REALMENTE TIVE MELHORAS,MAS FICO MUITO TRISTE EM TER QUE TOMAR TANTO REMÉDIOS.

    COMO FALEI ANTES NO MOMENTO Tô TOSSINDO MUITO,ACONTECE MAIS QUANDO FAÇO ESFORÇO,FÍSICO OU ATÉ MENTAL,LOGO FICO AGITADA ,SUANDO,CHORO PEÇO AJUDA DE DEUS. UM DESESPERO.

    FALAM QUE É ASMA ,MAIS MEU PAI QUE JÁ FALECEU DE ASMA ERA ASMATICO E MINHA MÃE PELA EXPERIENCIA QUE ELA TEM DE 28 ANOS DE CASADA COM UM ASMATICO E COM UM FILHO DE 32 ANOS MEU IRMÃO QUE É ASMATICO TAMBEM DISSE QUE NÃO,ENFIM.

    SOU ASMATICA OU ALERGICA?

    OBS:

    MORO NUMA AVENIDA PASSA ONIBUS O DIA INTEIRO,O ASFALTO E A 1 METRO DE MINHA JANELA ,E O PONTO DE ONIBUS É NA MINHA PORTA.

    OBRIGADA DESDE JÁ PELA FORÇA.

    FICA COM DEUS!

    • Ivangeli:

      Seus sintomas indicam duas possibilidades: 1. Alergia alimentar e/ou respiratória; e 2. Refluxo gastroesofágico.
      Você deve fazer exames de sangue para identificar as alergias, tipo RAST, e fazer uma Endoscopia Digestiva Alta para descartar ou confirmar o Refluxo, ok?
      Abs.

  4. Eliana disse:

    Dr. Paulo Maciel, Tenho sentido muita dor no estomago,alumas vezes refluxo, estou com a garganta irritada, o céu da boca e a minha língua estão dolorido, a língua é o que esta me incomodando, me ajude a entender estes sintomas.

    Obrigada!

    • Eliana:
      A azia é a principal queixa e raramente não ocorre. Seu nome técnico é pirose. Pode piorar, por exemplo, quando se dobra o peito sobre a barriga e quando se deita com o estômago cheio. É referida como ardência ou queimação, em algum ponto entre a “boca do estômago” e o queixo, correndo por trás do esterno, o “osso do peito”. A azia pode ser tão intensa como uma dor no peito, causando impressão de infarto cardíaco. Pode ocorrer também um aumento da salivação, a sialorréia, que é um reflexo natural porque a deglutição dessa saliva alivia a queimação, como se fosse um antiácido natural.
      A regurgitação é a percepção da volta do conteúdo estomacal no sentido da boca, sem enjôo ou vômito, freqüentemente, com azedume ou amargor. Não raro determina tosse, pigarro e alterações da voz. O engasgo – tosse forte e súbita, atrapalhando a respiração – pode despertar do sono e representar uma situação de refluxo gastro-esofágico. A ocorrência de falta de ar com chiado no peito, como a asma, pode ser desencadeada pelo refluxo.
      Sensações, desde bola na garganta e desconforto ao engolir até fortes dores em aperto – espasmos – no meio do peito, representam uma desorganização das contrações faringo-esofágicas responsáveis por levarem ao estômago aquilo que ingerimos. Esses sintomas são considerados complicações do refluxo e levam o nome geral de dismotricidade esofágica.
      Abs

  5. Lucienne disse:

    Olá Doutor. Gostaria de entender um pouco melhor. Há cerca de 2 meses comecei a ter vermelhidão pelo corpo todo. Quando como mamão, me sinto muito mal… me dá muito colica e ansia de vomito. Essa semana fiz teste de alergia e deu alergia a corantes. Só que não foi especifico… devo fazer um especifico para saber qual corante ?? com funciona isso. Posso ter alergia aos corantes artificiais e aos naturais ?? Nos alimentos agente encontra os naturais ??? obrigado Luciennne

    • Lucienne:

      Qual teste que você fez que deu positivo a alergia aos corantes?
      No sangue só temos dois exames tipo RAST: para o corante amarelo Tartrazina (F400) e para o corante vermelho (K106).
      Podemos, sim, ter alergia aos corante sintéticos e aos naturais também, porque podemos ter alergia a qualquer coisa que nosso sistema imunológico considerar “estranho”.
      Existem 58 corantes permitidos. O corante natural mais comum é o caramelo, produzido pela queima do açúcar ou modificação química do açúcar. Outro exemplo é o urucum, corante natural do colorau. O Beta Caroteno é outro corante natural, extraído da cenoura, e relacionado com a Vitamina A. A Tartrazina, de coloração amarela, é um dos corantes artificiais que pode ser encontrado em diversos produtos com cores amarelas, laranjadas e até brancas: Refrescos/refrigerantes, iogurtes, leites aromatizados e fermentados, gelatinas, pó para pudim e similares, sorvetes, chocolates, bolachas recheadas, balas, chicletes, pó para sucos. Por acordo com as indústrias de alimentos, os chamados “Baby Foods”, Alimentos para Crianças, não contêm corantes.
      Abs.

  6. Nathalia disse:

    Dr. Paulo,
    Sou carioca e moro em Campo Grande-MS. Há 5 anos tenho episódios de urticárias que ocorrem geralmente nas pernas e nádegas e geralmente durante a madrugada. Tomei remédio para verme logo no começo e procurei especialistas. Como o problema nao se resolveu durante esse período de 5 anos tomei Histamim quando necessário tendo que ir a emergências algumas vezes.
    Nos últimos tempos essas urticárias noturnas estavam muito intensas e constantes. Quase todas as noites aconteciam eu só conseguia dormir com o Histamim.
    Logo depois dessa alergia intensa comecei a sentir fortes cansaços, dores nas pernas e de cabeça, e logo depois veio a diarréia forte que durou 10 dias. Já se passaram 3 meses do início da fraqueza e cansaço.
    Perdi 5kg,e hoje tenho enjoos, distúrbio gastrointestinal (fezes volumosas e menos consistentes). As urticárias diminuiram muito despois que se iniciou as fraquezas e outros sintomas mas ainda acontecem. Mas o que mais tem me incomodado sao os cansaços terríveis. Há dias que nao consigo fazer atividades básicas como dar banho na minha filha. Sinto pernas pesadas, cansaço,sono, olhos pesados, fraqueza e minha vontade é ficar na cama o dia inteiro. E tudo isso acompanhado dos problemas de intestino e perda de peso.
    Fiz endoscopia e colonoscopia. A endoscopia deu normal e a colonoscopia acusou colite leve. Vi na internet que alergias alimentares dao colite, além dos sintomas que descrevi.
    Fiz inúmeros exames de sangue, urina, fezes e ultrassonografias de abdome total e tudo dá normal.Já tomei muitos remédios para verme.
    Entre os exames de alergia fiz:
    IGE ESPECÍFICA PARA BETA-LACTOGLOBULINA, CASEINA, ANTIGIADINA-IGA, ANTI-ENDOMISIO-IGA, ANTI-GLIADINA-IGG, ANTI-TRANSGLUTAMINASE TECIDUAL – IGA, ANTI-ENDOMISIO-IGG, ANTI-GAD.
    Esses exames como disse estao normais. Gostaria de saber se isso descarta possível alergia ou intolerancia alimentar. Pois nao sei mais a qual especialista recorrer. Há dias que choro muito e sinto que estou definhando de tao magra. Por favor, me ajude. Acha que devo suspender algum tipo de alimento mesmo tendo os resultados favoráveis desses exames? Essesexames descartam alergias ou intolerancia alimentar? Devo fazer oturos exames? Quais? Obrigada.

    • Nathalia:

      Primeiro retire da sua dieta completamente o leite de vaca e todos os seus derivados e depois o reintroduza após 7 dias; na sequência faça o mesmo com o glúten (trigo, aveia, cevada, centeio e malte).
      Nestas duas semanas observe se algum sintoma desaparece e retorna com a reintrodução do alimento suspeito.
      As urticárias, diarreias e a colite podem ser explicadas por uma alergia alimentar, mas de qualquer forma os outros sintomas relatados lembram um quadro de depressão ou de Fadiga crônica/Fibromialgia, ok?
      Procure um psiquiatra para confirmar ou descartar este outro quadro que pode não estar relacionado com as alergias.
      Abs.

  7. Ana disse:

    Parabéns, Dr., por ajudar tantas pessoas! Sua disponibilidade com certeza faz diferença na vida de muitos! Felicidades!

  8. Margarete Santos Ramos disse:

    Bom dia Dr. Paulo.
    Tenho uma filha com 20 anos e ela de vez em quando incha os lábios. Ela já foi ao médico e ele falou que pode ser emocional.
    Hoje por exemplo o marido dela foi ao médico com dores perto do ouvido e o médico constatou que era caxumba. Só dela receber a notícia começou a coçar a boca e logo a inchar. O que o Dr. acha que pode ser?
    Aguardo sua resposta

    • Margarete:

      Segundo estudos da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), uma parte significativa das causa dos problemas de pele é emocional – como estresse, ansiedade e depressão, que estão diretamennte relacionadas a ocorrências no maior orgão do corpo humano: herpes, psoriase, vitiligo, caspa, alopécia, acne, prurido, etc. São as chamadas “Psicodermatoses”. O que se entende é que o fator psicológico não é causal, mas sim o fator detonante, o gatilho para os sintomas, em especial em indivíduos que já têm a predisposição a desenvolver estas doenças. pode ser uma demissão no trabalho, separação, perdas, até mesmo um rompimento de um namoro ou o stress causado pela semana de provas ou o vestibular, trata-se de uma somatização.

      Abs

  9. Cristiane disse:

    Dr. Paulo, eu e minha familia(incluindo parentes – tias e primos) temos alergia a leite de vaca. O diagnostico foi feito há anos após as frequentes idas ao hospital. Porém, nunca confirmado. Estou atualmente em crise (desde meados de março muito rouca e demais sintomas), mas muitos médicos duvidam do diagnostico devido a fase adulta. É possivel a familia inteira ser alergico de forma critica, na vida adulta? Não aguento mais isso. Obrigada

    • Cristiane:

      Se o problema com o leite de vaca se apresenta em toda a família, é mais provável que seja “intolerância à Lactose”, do que “alergia à proteína do leite de vaca”.
      Digo isso por causa da questão genética mundial: Existem dois tipos básicos de intolerância à lactose: a genética e a adquirida. A intolerância genética é maior em determinadas raças de seres humanos. Assim, são intolerantes genéticos à lactose cerca de 90% dos asiáticos (chineses, japoneses, filipinos, coreanos etc.), 75% dos negros, árabes, judeus, gregos cipriotas, esquimós, índios e cerca de 15 % dos europeus. A intolerância genética, entretanto, só aparece após alguns anos de vida, dois a três anos por exemplo, apesar de haver raras exceções. Crianças de qualquer raça com menos de um ano, normalmente, são tolerantes à lactose. A intolerância aparece depois.
      Se tiver alguma dúvida e quiser esclarecer, pode-se fazer dois exames que definem o problema:

      1. Para Intolerância à Lactose: Teste de tolerância à lactose. Cód. AMB = 28.01.157-0.

      2. Para Alergia às proteínas: RAST Leite de Vaca IgE. RAST Leite de Vaca IgG. RAST Caseína IgE. RAST IgE específico para Alfa Lactoalbumina (F 76). RAST IgE específico para Beta Lactoalbumina (F77). .

      Se quiser mais esclarecimentos, leia os meus artigos sobre alergia e intolerância ao leite de vaca.

      Abs

  10. Fernanda Catalão disse:

    Olá Dr Paulo, estou já pra ficar maluca com o roblema diagnostcado no meu filho de 5 anos. Desde maio de 2011, no incio do mês de maio 2011 ele teve uma gripe, que demorou para curar, eu passava no médico pelo menos 2 vezes na semana com ele, quando no inico de junho ele reclamou de dor no ouvido e estava com frebre, levei ao otorrino que diagnosticou mastoiditi, ficou internado por uma semana e desde então teve várias repetições de sinusite. Em abril deste ano, me indicaram um alergologista que diagnosticou alergia a proteína do leite de vaca, que não ficou confirmada nos exames de sangue, que deram tudo normal. Andei olhando em sites que falan sobre a alergia a proteína no leite e os sintomas que eles colocam nenhum deles o meu filho tem. Gostaria de obter uma outra opnião médica, pois ele é super saudável tirando essas repatições de sinusite, a ultima já faz uns 3 meses, coisa que era uma seguda da outra. Ele continua com tosse e coriza, o que posso fazer acho que estou judiando demais dele por não dar o leite e o seu derivados, ele não se adaptou com os produtos de soja, e na escolinha ele fica olhando as outras crianças comendo o danoninho, fora que 1 vez por mês tem festinha dos aniversáriantes do mês e ele não pode participar. POr favor pode me ajudar, não sei mais pra que lado ir. Aguardo seu retorno.
    Obrigada
    Fernanda

    • Fernanda:

      Que exames ele fez que negaram a alergia ao leite de vaca?
      Os mais comuns em nosso meio são: RAST Leite de Vaca IgE. RAST Leite de Vaca IgG. RAST Caseína IgE. RAST IgE específico para Alfa Lactoalbumina (F 76). RAST IgE específico para Beta Lactoalbumina (F77).
      A primeira coisa a observar é que o desaparecimento da resposta alérgica costuma levar alguns anos para ocorrer, por causa da “memória celular”, ok?
      A maioria das crianças deixa de ser alérgica ao leite: cerca de 60 % aos quatro anos e cerca de 80% aos seis anos. Alguns pacientes podem ter as reações alérgicas por toda a vida. Se o leite for excluído da dieta por dois a três anos, a criança então tem cerca de 80 % de chances de tolerar leite em pequenas quantidades.
      Em um estudo realizado no Canadá, em 97 crianças alérgicas às proteínas do leite (média de 18 meses de vida), reavaliados aos 5 anos, 72 % eram alérgicos aos dois anos, 46 % aos quatro anos, e 22 % aos seis anos. Somente 24% das crianças eram alérgicas somente às proteínas do leite. Os outros alimentos envolvidos na alergia foram ovo (58 % do total), soja (47%) e amendoim (34%).
      As crianças que ficam alérgicas após os três anos de vida têm a tendência de se manter alérgicas por mais tempo. Estudos tem sugerido que, aproximadamente, um terço das crianças e adultos perdem a condição de alérgicos após evitarem os produtos de laticínios que causam a alergia por dois ou três anos. Entretanto, os pacientes com hipersensitividade a amendoim, nozes, peixes e crustáceos raramente perdem sua condição de alérgicos. Além disso, estes quatro alimentos é que causam a maioria das reações alérgicas que podem causar a morte por choque anafilático.

      Abs

  11. juliana disse:

    Olá Dr., tenho 26 anos e me lembro de ter urticária esporadicamente desde muito pequena, mas nunca havia procurado um médico para saber o motivo. Há seis anos, além da urticária, também comecei a apresentar um certo inchaço e “pelotas” avermelhadas na pele. Desde a primeira vez que fui ao pronto socorro sempre ouvi dos plantonistas que me atenderam que eu tinha alguma alergia alimentar, eles me receitavam injeções (aplicadas no próprio hospital) e também sempre receitavam outros remédios (no decorrer da semana). Após a última crise alérgica que tive, resolvi procurar um alergista, mas só me decepcionei, pois ele pediu que eu fizesse exames de sangue laboratoriais para detectar alergias a: leite, trigo, cacau, carne de frango, boi e porco, ovos, pimenta do reino e amendoim. E no final, os exames deram negativo para tudo… Me senti mal, pois o médico me olhou com certo descrédito, como se eu estivesse mentindo a respeito da alergia… pedi que ele pedisse um novo exame com outros alimentos, mas ele se recusou e disse que eu não deveria procurar outro alergista, que meu problema era só “irritação boba a qualquer coisinha”. Eu sei que sou alérgica sim, e sei que tenho alergia certamente a duas coisas: a um remédio que contém Glucosamina e Condroitina na fórmula, e linhaça (todas as vezes que consumi linhaça tive vômitos e fui parar no hospital). Li em alguns lugares que a alergia pode ter ligação “genética”, e meu pai era alérgico a carne de porco e minha mãe a produtos de limpeza e ao látex; então a minha alergia faz sentido… O sr. recomenda que eu tome qual atitude? Caso eu procure outro alergista qual exame devo fazer? Estou desesperada, pois nunca sei se estou ingerindo algo que pode me levar ao choque anafilático (uma médica do plantão me alertou exatamente para isso)e não obtive resposta dos exames.

    Obrigada

    • Juliana:

      Como você citou a alergia ao látex da sua mãe, você investigou este tipo de alergia?
      Lembre-se que as manifestações mais comuns da alergia ao látex são: * Na pele (Dermatite de contato, Urticária, Angioedema); * No sistema respiratório (Asma, Rinite, Conjuntivite); * Em setores variados do organismo (Anafilaxia)
      E um aspecto interessante da alergia ao látex é a presença de reações cruzadas com alguns tipos de alimentos, principalmente frutas, já que o látex é um produto vegetal e contém proteínas semelhantes. Cerca de 50% dos pacientes alérgicos ao produto, o são também a pelo menos uma fruta, geralmente banana, kiwi, abacate, maracujá, manga, abacaxi ou mamão.

      Se esta investigação não der certo, pesquise alergias alimentares do tipo II, por IgG:

      1. http://www.alcat.com.br/
      2. http://www.pollyesteves.com.br/diagnosticos/food-detective.html

      Abs

  12. Juliana disse:

    Oi Doutor, gostaria de saber que alergia eu tive, após ter comido muito chocolate eu acordei com coceira não dei bola, após 3 dias fiquei com a pele vermelha, irritada, muita coceira e bolinhas como se um bicho tivesse me mordido…
    Dai Procurei um médico tomei uma injeção, e ele me deu anti alérgico para tomar, faz três dias que estou tomando, a pele só fica vermelha se eu esfrego, e de vez em quando sinto coceira, mais passa, fico como se alguém estivesse me arranhado, que alergia poderia ser, e mesmo com tratamento quantos dias demora para sair, Bom não tive nem uma reação no meu corpo fora isso, náuseas, diarréia não tive… fico aguardando resposta, Obrigada!

    • Juliana:

      É tecnicamente impossível saber que alergia você teve, apenas com o seu relato na Internet.
      Ela pode ser alimentar, de contato ou respiratória.
      Só uma investigação laboratorial pode lhe trazer este esclarecimento, ok?
      Se você estiver afastada do produto alergênico, 3 dias são suficientes para reduzirem-se os sintomas.

      Abs

  13. Tenho Ernia de Hiato e uma secresção na garganta que me afoga, fico mais de 2h, para limpar a garganta antes de dormir. Tomo Omeprazol 40 antes de dormir, aí melhora um pouco. Tenho meu abdomem como se estivesse grávida de 8 meses. Será a aliomentação ou má digestão… Por favor, me oriente.

    • Não posso comer doce, a noite, não posso comer nada, td me dá pigarro e afogamento, fico muito nervosa e até passo mal. O que me incomoda muiiiito também é o tamanho do meu abdomem, não posso usar roupa comum, só de gravida.
      Já fiz até colonoscopia e não deu nada, apenas uma pequena hérnia de Hiato, mas estou muito mal, não sei que mádico procurar, já que gastro não resolveu, genicolog/ também não.

      • Entre os médicos alopatas vai ser difícil você encontrar respostas seguras… talvez um alergologista, mas mesmo assim é complicado.
        O melhor é procurar um médico que faça Ortomolecular ou Medicina Biológica, ok? Um Nutricionista Funcional também pode auxiliar grandemente.

        Abs.

    • M. Lourdes:

      Não há como saber o que está acontecendo com você sem exames clínicos e laboratoriais: Endoscopia Digestiva Alta, pHmetria, RAST IgE de alimentos, Teste IgG 90 alimentos, etc.
      Só com um diagnóstico seguro um médico pode lhe orientar corretamente, ok?

      Abs.

  14. eli de carli disse:

    oi… preciso sua ajuda..minha filha de 17 anos a 1 ano atras comeu a fruta mertilo derivada da uva……depois disso desenvolveu um processo alergico a ultima foi mais forte……percebemos a alergia no uso do anador e AS comprimido…..fizemos uns texte mas na regiao que morro sudoeste do parana é bem precario apenas o teste de umas 20 gotinhas no braço…nao sei o nome….agora se ela nao tomar todo dia o remedio na hora certa (alegra) da manchas no pecoço, incha os olhos, a boca e é apenas no trnco em cima…ela é super saudavel o que eu faço????? mas vo aonde precisar ir pra revolver….me ajude…

    • Eli:

      Sua filha está com alergia a alguma coisa que ela está tendo contato constante, talvez algum alimento do dia a dia mesmo.
      O teste que ela fez na pele se chama Prick Test; o que deu naquele exame?
      Procure um alergologista para lhe dar uma orientação segura.

      Abs.

  15. Edgar Tomas disse:

    Boa tarde Dr. tenho uma tosse a 8 meses e que nao passa ja fiz analise de escarro, sangue, tuberculose, e nada detetado, sinto comichao na garganta como se algo estivesse a movimentar e a respiracao é fraca.

    • Edgar:

      Os sintomas respiratórios das alergias alimentares incluem: Nariz escorrendo, Espirros, Tosse, Congestão, Asma, Bronquite, Coceira no nariz, Sintomas de gripe e Respiração difícil.
      Procure um alergologista para lhe orientar.

      Abs.

  16. ana disse:

    boa noite doutor, nao aguento mais ir de medico em medico e tomar remedios, por isso resolvi sofrer em casa moro no interior e aqui quase nao tem medicos nem publico e nem particular.tenho 27 anos e a uns sete vivo tratando de (refluxo gastrite visicula figado)cada medico diz uma coisa me passa um remedio e uma dieta.ja sou amiga do omeprazol da ranitidina e outros do tipo. sem contar os medicos que me receitaram caumantes anti depressivos, outros diseeram que tenho bronquite asma ,outros que tenho labirintite (na verdade acho que nao e nada disso). doutor o que mais me incomoda sao as fraquezas sensaçao que vou desmaiar falta de ar tonteira vomito intestino preso outras vezes tenho diarreia dores muito fortes no abdomem ultimamente quando me alimento sinto dores no estomago estou tendo muitos gases meu estomago fica inchado custo aguentar a calca por que sinto colicas no intestino minha barriga fica fazendo barulhos estou tendo dores de cabeca coceira na garganta e no ceu da boca dormenca nos pes e maos sono d++++++ enjoos vista embaçada coceira nos olhos e nariz e na cabeca quando evacuo parece que nao foi o suficiente esou tendo dificuldades para me concentrar ando muito irritada outras vezes apatica e triste com vontade de chorar as vezes parece que nao tenho nada e as vezes mal consigo me levantar tenho a imprensao que minha barriga vai estourar de tanto gaz fico ainda pior quando como bolo,rosca paes leite e iogurte, neste momento parece que nao consigo digitar parece que eu bebi . se o doutor puder me ajude o que eu faço pois a cada dia fico pior e tenho 2 filhas nao posso ficar assim ,isso pode ser alergia, com o que ,que exames eu faco,ia me esquecendo de abril para ca emagreci 4,5 quilos sem ter mudado nada na alimentaçao e antes tinha muita dificuldade para emagrecer estou pesando 62kg.os medicos sempre me dizem que tenho hipoglicemia obrigado doutor se puder me oriente.

    • Ana:

      Em primeiro lugar, faça todos os exames de sangue de todos os RAST múltiplos :

      fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
      fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
      fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
      fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

      A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

      f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

      Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

      http://www.alcat.com.br/
      http://www.food-detective.com.au/
      http://www.autismoinfantil.com.br/nossos-exames/exame-de-alergias-igg.html

      Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?
      Boa sorte! Se conseguir descobrir o que você tem, compartilhe conosco.

      Abs.

  17. Fabiane disse:

    Boa tarde, Dr. Paulo

    Ontem tive uma reação muito estranha após ingerir um linguiça caseira que veio do Rio Grande do Sul..Comecei a tossir, um aperto no peito, que passa e volta, parece um gás que sobe e para no meio do peito e depois desce e fora um pouco do meu rosto do lado esquerdo ficou inchado.

    O que pode ser? Pode me Ajudar?

    Obrigada

    Fabiane

  18. Fátima disse:

    Dr.Paulo,

    Não tenho vontade de comer/beber, dores no olho, bastante cansaço, tosse, rosto/braços/pernas avermelhados, e dor de cabeça. Como as refeições normalmente, mas sem vontade, só bebo quatro copos d’água (a metade de um copo) a dois dias. Imagino estar com algum tipo de alergia, certo?
    Obrigada desde já,
    Fátima

  19. barbar myrts gasparelo coelho disse:

    Doutor,comecei com mal estar, sentindo que ia desmaiar, no dia seguinte saiu um vermelhão do estomago até as costas e nádegas, uma dorzinha no peito , e muita dor no corpo,,ja tive isso uma vez e a medica me receitou um antibiotico,melhorou , mas agora 3 meses depois ocorre novamente, fui ao medico,desta vez ele me receitou um antialergico, o que pode ser isso??

    • Barbar:

      Apenas pelos seus sintomas relatados, é difícil fazer um diagnóstico, ainda mais sem um exame clínico e sem exames laboratoriais…
      Mas temos que pensar em algumas possibilidades, tipo Dr. House:
      1. Se você teve febre junto com os sintomas e se melhorou com os antibióticos, foi uma infecção bacteriana.
      2. Se você teve febre junto com os sintomas e se não melhorou com os antibióticos, foi uma infecção viral.
      3. Se você teve coceira na área com o vermelhidão, e se melhorou com o antialérgico, foi uma reação alérgica do tipo urticária ou dermatite.
      4. Se você teve coceira na área com o vermelhidão e teve febre, e se não melhorou com o antialérgico, foi uma infecção recorrente.

      De qualquer forma, é melhor você encontrar um Dr. Gregory House em sua busca, que com certeza ele descobrirá o que aconteceu com você…
      Perdoe-me a brincadeira, mas foi uma forma que achei para levantar as possibilidades, ok?

      Abs

  20. Jussara disse:

    Doutor, meu filho de 5 anos, apos ter tomado um leite fermentado ,começou a ter diarreia aparentimente ácida. Logo retirei da alimenrtação. Mas ele começou a reclamar de dor na barriga e passou a ter muitos gases. Ele arrota muito e tem muita flatulência, sem contar com olheiras e acho que ele está muito pálido. Quando levei ao pediatra, ele disse que deveria ser alergia ao leite, provavelmente a lactose, que foi desencadeada por esse alimento, visto que o intestino estava frágil devido ele ter acabado de tomar antibiótico por conta de uma pneumonia. Então retirei tudo que tivesse leite. O pediatra receitou florax sm por 6 dias. Meu filho apresentou uma melhora, mas ainda tem os sintomas, só que de forma mais leve. Tudo isso já tem 4 meses e ele não melhorou de fato. Será que não pode ser alergia a outro alimento também? Ele consome muitas coisas a base de trigo e sucos de soja (uns 3 litros por semana). Penso que pode ser o glutem também, pois até bolo feito em casa sem utilizar leite de vaca, causas dor na barriga. Não sei mais o que fazer. Que profissional devo procurar?

    • Jussara:

      Em primeiro lugar, faça todos os exames de sangue de todos os RAST múltiplos :

      fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
      fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
      fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
      fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

      A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

      f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

      Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

      http://www.alcat.com.br/
      http://www.food-detective.com.au/
      http://www.autismoinfantil.com.br/nossos-exames/exame-de-alergias-igg.html

      Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?

      Procure um alergologista.

      Abs.

  21. CRISTIANA RUIZ disse:

    Boa noite Dr Paulo par ao senhor ve ja são tarde da noite , nãoestou conseguindo ter sucego, minha filha de 11 anos ela tosse e seengasga, parace que vai perder o sentido essa noite tive que chupar a boca dela pra respiração voltar não sei se estou correta em fazer isso , mais tenho medo dela ficar sem respirar e ficar com sequelas celebral,gostaria de saber se qando isso ocorrer qual é o primeiro socorro que tenho que fazr pq o engasgo dela não e de objetos parados na garganta ela engasga quando esta dormindo e não tem nada o que deve fazer porfavor me responda com urgencia ate mais

  22. Vanessa Ott disse:

    Bom dia! Dr. Paulo.
    Ja faz dois dias que estou com uma irritação nos olhos, dores de cabeças e inchasso no rosto, ja fui consultar e me disseram que enxaqueca, não estou satisfeita com essa resposta por isso estou tentando descobrir o que pode ser, se puder me ajudar agradeço.

    • Vanessa:

      Me desculpe, mas não tenho como dizer o que pode ser a causa dos seus sintomas, apenas com esta descrição.
      Além disso, o Conselho de Ética Médica me impede de fazer diagnóstico por Internet e também de indicar tratamento virtual.

      Infelizmente, só com uma consulta médica e com exames específicos o seu quadro pode ser analisado e tratado.

      Abs.

  23. elandia disse:

    DR. MEU MARIDO TEM UMA TOSSE SECA HÁ MAIS 4 MESES E TÁ COM O PEITO E AS COSTAS DOLORIDAS, JÁ TÁ DANDO FALTA DE AR , POIS SENTE DIFICULDADE DE RESPIRAR E COMO UM AZIA MEIO QUE UM EMPAZINAMENTO NA ALTURA DO DIAFRAGMA OU ESTOMAGO, TENHO MUITO MEDO , POIS O MESMO NÃO TEM TEMPO E SUAS FÉRIAS SÓ SÃO EM DEZEMBRO, O QUE EU POSSO FAZER?QUAL O REMÉDIO ELE DEVE TOMAR PARA FICAR BOM E QUAL O PROCEDIMENTO ELE PODE TOMAR POR ENQUANTO?HÁ JA TOMOU AZITROMICINA, AMBROXOL E NADA.

    • Elandia:

      Você me enviou esta pergunta que agora estou respondendo e 15 minutos após enviou nova mensagem, dizendo: “GOSTARIA DE RECEBER A RESPOSTA COM URGÊNCIA SE POSSIVEL, OBRIGADÃO!”

      Eu tenho orientado meus leitores que este site não é do Corpo de Bombeiros nem do SIATE e eu não fico o dia todo esperando as pessoas mandarem perguntas para responder logo em seguida!

      O que seu marido deve fazer, IMEDIATAMENTE, é marcar uma consulta com um médico alergologista, um gastrologista e um pneumologista, para descobrir o que está acontecendo com ele!

      Você escreveu que “ele não tem tempo” de se consultar e que “as férias são só em dezembro”; a saúde não pode ser considerada desta forma, porque até o Lula, quando estava governando o Brasil, tinha tempo de ir nos médicos para tratar seus sintomas de dor no ombro (http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u47784.shtml) e sua hipertensão arterial (http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,lula-sofre-crise-de-hipertensao-e-e-internado-em-recife,502802,0.htm).

      Infelizmente, por questões legais e éticas, eu não posso indicar tratamento para o seu marido pela Internet, ainda mais sem ter feito qualquer consulta, análise ou exames nele.

      Lembre-se deste importante lembrete do Dalai Lama: “Os homens perdem a saúde para juntar dinheiro, depois perdem o dinheiro para recuperar a saúde. E por pensarem ansiosamente no futuro esquecem do presente de forma que acabam por não viver nem no presente nem no futuro. E vivem como se nunca fossem morrer… e morrem como se nunca tivessem vivido.”

      Abs.

  24. elandia disse:

    GOSTARIA DE RECEBER A RESPOSTA COM URGÊNCIA SE POSSIVEL, OBRIGADÃO!

  25. Josele disse:

    Estou com sintomas parecidos com a gripe, são eles coriza, conjuntivite e ainda apareceu há 4 dias mais ou menos um tipo de brotoeja na minha barriga e nas laterais. Notei que se agravaram após ingerir carne de porco e amendoim.
    obrigada

  26. Ersilia Racioppi disse:

    Boa Tarde, Doutor

    Estou um pouco confusa com os sintomas que tenho.Tenho tosse seca, pigarro, queimaçao no céu da boca,lingua, garganta irritada, queimação nos olhos como se fosse pimenta.Nariz entupido fui em um otorrino e diagnosticou rinite leve e refluxo.Poderia ser tambem alergia alimentar?Sinto muito cansaço,

    Um grande abraço

    Ersilia

    • Ersilia:

      Seus sintomas podem, sim, estar relacionados com alergias alimentares.

      Em primeiro lugar, faça todos os exames de sangue de todos os RAST múltiplos :

      fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
      fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
      fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
      fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

      A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

      f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

      Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

      http://www.alcat.com.br/
      http://www.food-detective.com.au/

      Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?

      Abs.

  27. Tainara disse:

    Ola Dr Paulo, tudo bem ? Tenho 20 anos e a um mes atras venho sentindo sintomas estranhos, venho sentindo aperto no peito, opressao, minha respiraçao fica presa so saindo o ar quando bocejo ou respiro fundo e um pigarro na garganta, fiz um eletro e nao deu nada estou achando que estou com alergia a algo. por favor me ajude. um cansaço no peito ao falar ao comer, ao fazer atividades simples.

  28. Ricardo Machado disse:

    Dr. Paulo boa noite!
    Minha esposa recentemente a uns 60′dias foi picada por um inseto, entre os dedos do pe, porem não conseguimos identificar, apos a picada media uns 30 a 40 minutos ela começou com uma forte coceira nas axilas, e nas virilias, e com sintoma de falta de ar, e diz que parecia que tinha uma bola na garganta dificultando-a de respirar, corri com ela para o hospital e deram fernegan corticoide intramuscular, , apartir dai nossa vida mudou,
    Ela que nunca teve problemas, relacionados a alergia com isetos, estamos vivendo uma situação terrivel, novamente outra vespa( mutuca) picou ela tb mas os sintomas não foram os mesmos, ela esta reclamando muito de que a boca fica seca, de uma dificuldade de respiração, uma bola na garganta, e seguido de tremores e taquicardia, e pra piorar, parece que tem um quadro de refluxo, levei ela tb em um otorrino, onde foi feito um exame que entra uma sonda pelo nariz pra verificar sobre essa bola na garganta mas gracas a Deus nao deu nada, apenas uma irritação na garganta que talvez seja decorrente da reação tardia da picada de inseto, e apresentou tb um quadro de refluxo o que eu faço pra ajudar minha exposa, precisamos resolver esses problemas e reestabelecer nossa qualidade de vida. Por favor nos ajude!

    • Ricardo:

      O que eu posso lhe dizer é que vocês devem fazer uma consulta com um médico alergologista que irá pedir exames e identificar a que substâncias sua esposa é alérgica:

      IgE específico (i1) – venenos – abelha
      IgE específico (i2) – venenos d. Maculata vespa cab. Branca
      IgE específico (i2) – vespa cabeça branca
      IgE específico (i3) – venenos – vespa capa amarela
      IgE específico (i4) – venenos – vespa comum
      IgE específico (i5) – venenos – vespa amarela
      IgE específico (i6) – insetos – barata
      IgE específico (i70) – insetos – formiga
      IgE específico (i71) – insetos – mosquito comum
      IgE específico (i72) – insetos – c. Lewisi
      IgE específico (i73) – insetos – larva de sangue
      IgE específico (i75) – venenos – vespa européia
      IgE específico (i76) – insetos – t. Angustum
      IgE específico (i8) – insetos – traça

      Depois disso, o procedimento é cuidar para evitar novos contatos com insetos e ter por perto medicamentos antialérgicos e adrenalina injetável.

      Abs.

  29. KATIA disse:

    DR. EM QUANTOS DIAS O EXAME RAST P/ HX2, MX1, EX1, GX1 FICA PRONTO??

    • Katia:

      Isto depende de cada laboratório, especialmente se o exame é realizado no próprio laboratório em um laboratório de apoio, normalmente em outra cidade.
      De qualquer forma, sempre que um laboratório colhe a amostra de sangue, ele já define a data de entrega dos resultados.

      Abs.

  30. FERNANDA OLIVEIRA disse:

    Boa tarde. Sofrí por anos com gases, cólicas intestinais juntamente com dores de cabeça. Lí numa reportagem que poderia ser intolerância á lactose e tento no máximo excluir derivados do leite, mas há algum tempo a reação modificou-se, venho tendo uma urticária, ardor ora nas pernas ora nos braços que duram cerca de duas horas. Um dia desses, pela manhã, não havia ingerido nada e a coceira começou, outro dia comí uma banana á noite e quase~não dormi. Doutor será que um antialérgico me ajuda? Somente até eu conseguir marcar uma consulta média, pois dependo do público e em minha cidade demorará meses com certeza. No momento só ingerí café puro com açúcar e sinto meus braços pinicarem! Já não aguento mais e tenho medo de algo mais grave, tenho 37 anos, 64 quilos, faço caminhada diária de até 4 quilometros e sempre em dieta! Muito obrigada pela atenção!

  31. Lidiane disse:

    Olá Dr.
    Ontem eu comi no almoço costelinha de porco assada na hora do almoço. Antes de dormir eu comi um sanduíche com carne de hambúrguer grelhado. De madrugada eu acordei com enjoos e vomitei todo o sanduíche, minha barriga estava inchada e também tive diarreia. Hoje acordei com o rosto cheio de pintinhas vermelhas. Esses sintomas podem ter sido provocados pela carne de porco?

  32. Daianny Souza de Oliveira disse:

    Dr.Paulo
    Toda vez que eu como ovo passo muito mal,minha pressão baixa,sinto tonturas, náuseas,meu estomago incha,minha cabeça doí muito,e sinto muita fraqueza no corpo como se eu fosse desmaiar..Isso pode ser alergia?

    • Daianny:

      O ovo é o segundo alimento que mais causa alergia no Brasil, perdendo apenas para o leite. Os alimentos frequentemente envolvidos na alergia são os que possuem alto teor de proteínas.

      A alergia é uma reação do sistema imunológico, que cria anticorpos contra proteínas e passa a atacá-las quando ingeridas. Atua diretamente nos mastócitos, provocando a liberação de histamina, o que provoca os sintomas alérgicos.
      Herança genética, idade, hábitos alimentares, hereditariedade, exposição ao alimento, permeabilidade gastrointestinal e fatores ambientais são alguns dos motivos que podem levar o indivíduo a desenvolver alergia alimentar.

      A maioria dos alimentos pode desencadear uma resposta alérgica, mas, a preparação, o cozimento e a ação do ácido digestivo e das enzimas destroem este potencial. Os alimentos frequentemente envolvidos na alergia são os que possuem alto teor de proteínas. A proteína causadora de alergias encontrada no ovo é a albumina presente na clara, mas como é impossível separá-la da gema é necessário retirar os ovos totalmente da dieta, inclusive os alimentos em que ele aparece em pequenas quantidades.

      Os sintomas começam a aparecer de trinta minutos à uma hora de ingestão. Na pele, aparecem placas vermelhas que coçam; falta de ar; tontura; alterações dos vasos sanguíneos; edema de mucosas (lábios, pálpebras e glote); pode levar a uma queda rápida da pressão arterial, constrição dos brônquios pulmonares e choque anafilático.

      Pessoas alérgicas a albumina devem evitar produtos que contenham as seguintes substâncias descritas nos rótulos: Albumina, Ovomucóide, Ovoalbumina e Lisozima.

      Abs

  33. Josimara disse:

    Dr. Paulo
    Gostaria de saber se é possivel desenvolver na gravidez os sintomas de alergia alimentar. Tenho tido intestino preso, fortes gases, prurido anal, insônia, aftas e gosto amargo na boca. Os gases obviamente aumentam a medida que me alimento, após o almoço a coisa piora muito e a noite nao consigo dormir com dores abdominais e intestinais, sinto como se todos os meus orgãos abdomiais estivessem soltos (flutuação). O pior é que acho que meu bebê sofre com tudo isso(4meses de gravidez). A cada dia que passa tento consumir menos alimentos com receio dos sintomas, luto diariamente contra a minha fome, pois comer me faz mal.

  34. Maiko disse:

    Doutor.
    Estou me sentindo mal, esses dias tive uma crise nervosa e to sentindo agora:dor na coluna,articulacoes, fraqueza, nao consigo comer nada,tive muitos arrepios, calafrios,minha pele esta coçando,meus olhos estao um pouco amarelos e nao estou dormindo bem,estou com bastante sonolencia e um pouco palido e sempre tenho coceira no ceu da boca. oq posso fazer?

    • Maiko:

      Procure um gastroenterologista e investigue se não está com uma hepatite aguda, ok?
      Sintomas das hepatites:
      - Sintomas pseudo-gripais: febre, dores nas articulações e nos músculos.
      - Fase ictérica com uma grande fadiga. Essa fase dura cerca de duas semanas. A fase ictérica é caracterizada pela urina escurecida, as fezes esbranquiçadas, náuseas e perde de apetite.
      - Fase de convalescencia: dura de duas a seis semanas (ou mais), com o desaparecimento progressivo dos sinais, com exceção da fadiga, que pode persistir.

      Abs.

  35. suellen disse:

    Meu filho de 8 meses, defeca umas linhas vermelhas e as vezes muco, se tomar suco de laranja, muito muco, vomitou leite nan 3 vezes alternadas com 5 meses. hoje só leite materno e sopinhas, quando come banana aparece umas linhas marron nas fezes, mas não vejo reação quando perto de latex. já estou quase pirada de tanto procurar no google uma resposta, os médicos da minha cidade não entendem muito, cidade pequena. O que será, qual exame fazer. fiz dieta do leite por 2 meses e percebi melhora sobre o muco das fezes.o que mais me incuca são as linhas vermelhas, será sangue?

    • Suelle:

      Sim, provavelmente é sangue o que ele está apresentando nas fezes e por isso em primeiro lugar faça todos os exames tipo IgE de sangue de todos os RAST múltiplos :

      fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
      fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
      fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
      fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

      A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

      f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

      Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

      http://www.alcat.com.br/
      http://www.food-detective.com.au/
      http://www.autismoinfantil.com.br/nossos-exames/exame-de-alergias-igg.html

      Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?
      Boa sorte! Se conseguir descobrir o que você tem, compartilhe conosco.

      Abs.

  36. Fabricio Rossi disse:

    Boa Noite Dr. a um ano venho tendo dificuldade pra durmir, com episodios a noite de acordar com o coração acelerado, sensação de falta de ar, mãos suando, apos um tempo comecei a me sentir inchado, a fazer refeições e passar mal, ficar estufado, dificuldade para respirar apos as refeições, tenho dores fortes na barriga, coceira na garganta, dores pelo corpo principalmente ombros e braços… a um mês começaram as dores de cabeça, espirros diretos, coceira nos olhos, ardências nos olhos tbm, ando muito mau humorado, me irrito fácil…. eu era uma pessoa difícil de se irritar e brincava com todos hj isso não acontece… gostaria de saber se o DR. tem alguma dica, se pode me indicar algum especialista para poder ter um diagnostico… já fiz exames cardiológicos como eletrocardiograma e endocardiograma e deram normais o cardiologista me indicou procurar um psiquiatra… desde já grato

    • Fabrício:

      Seus sintomas noturno remetem a um quadro de ansiedade generalizada e os outros à provável alergia alimentar.
      Como as alergias alimentares podem causar sintomas psíquicos ligados ao Sistema Nervoso Central tais como: Déficit de atenção; ansiedade; Síndrome do pânico; agressividade, inquietação e gagueira; depressão e crises de choro e Hiperatividade em crianças e adultos, em primeiro lugar, faça todos os exames de sangue de todos os RAST múltiplos :

      fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
      fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
      fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
      fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

      A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

      f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

      Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

      http://www.alcat.com.br/
      http://www.food-detective.com.au/

      Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?
      Boa sorte! Se conseguir descobrir o que você tem, compartilhe conosco.

      Abs.

  37. Elaine disse:

    Olá Doutor, há alguns dias minha barriga está inchada, doendo e fazendo barulhos e estou sempre com diarréia. As vezes quando acabo de comer a vontade de ir ao banheiro aumenta geralmente acompanhada de dor. Já senti esses sintomas no passado e sarou naturalmente. A dor não é constante, é eventual e a diarréia também, só que me incomoda. Sou uma pessoa bastante ativa, mas ultimamente anda muito estressada. Será que isso influi? Há uns 6 meses tomei remédios para vermes, posso tomar novamente? Outra coisa, é que há 1 ano fiz uma histerectomia parcial,de lá pra cá sempre tenho gases,mas não consigo eliminar,mesmo tomando simeticona. O que o senhor acha?

    Agradeço desde já,

    • Elaine:

      Em primeiro lugar investigue as alergias alimentares, fazendo todos os exames de sangue de todos os RAST múltiplos :

      fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
      fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
      fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
      fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

      A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

      f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

      Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

      http://www.alcat.com.br/
      http://www.food-detective.com.au/

      Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?
      Boa sorte! Se conseguir descobrir o que você tem, compartilhe conosco.

      Abs.

  38. JULIANA disse:

    DR. MINHA BOCA ANDA MUITO ASSADA….MEIO RACHADA….E SOLTANDO CASQUINHAS….COMO SE O CLIMA ESTIVESSE FRIO…E ELA COM SINTOMAS DE UM LUGAR FRIO…MAS AQUI ONDE MORO É PUER QUENTE…E NÃO ESTÁ FAZENDO FRIO. USO BATOM TODOS OS DIAS…ATÉ MESMO COMO PROTEÇÃO…FAÇO USO DE MANTEIGA DE CACAU TODAS AS NOITE AO DORMIR…E DE DIA FAÇO USO DE MANTEIGA CACAU E PROTETOR LABIAL TAMBEM. JÁ NÃO SEI MAIS O QUE FAÇO NEM QUE ESPECIALISTA PROCURAR.

    AGUARDO O RETORNO..

    OBRIGADA.

  39. Michele disse:

    Bom dia Dr. Tenho um sintoma que ja foi comentado. No decorrer da noite fico com uma coceira em todo corpo, urticarias nas nádegas juntas, anos atrás fiz exames de teste de alergia e não deu em nada, não sei o que fazer na época a médica receitou hidroquisizine, quando tomo fico melhor, qual especialista devo procurar, ocorre com frequência de acorda com o rosto inchado, principalmente os lábios.

    • Michele:

      Você precisa procurar um alergologista (em muitos países chamado de imunologista) é o médico responsável e especializado no ramo da medicina que tem como principal objetivo o estudo e tratamento de doenças alérgicas, algumas mais simples e outras bastante mais complexas.

      Abs

      • ivalda lira disse:

        DRºPaulo Maciel

        Sempre estou um desses sintomas e as vezes tenho todos falta de ar,boca e garganta seca,tontura,sensação de desmaio,zumbido muito forte no ouvido,distensão abdominal,coceira por todo o corpo,sem placas,dor abdominal,refluxo,e muita azia e às vezes diarreia outras vezes prisão de ventre,sensação de cansaço e sonolência,rouquidão inesperada,tosse,garganta irritada,nariz com coriza do nada some e coceira na planta dos pés o mais frequente é a falta de ar,coração acelerado e zumbido muito forte no ouvido e a azia.desde já agradeço pela sua explicação e resposta,aguardo!

        • Ivalda:

          Você com quase total certeza tem alergia alimentar porque todos os seus sintomas se enquadram nesta doença.
          Em primeiro lugar, faça todos os exames de sangue de todos os RAST múltiplos :

          fx1 (Amendoim, avelã, castanha-do-Pará, amêndoa e coco)
          fx2 (Peixe, camarão, mexilhão e atum)
          fx3 (Trigo, aveia, milho, gergelim e trigo negro)
          fx5 (Clara de ovo, leite de vaca, bacalhau, trigo, amendoim e soja)

          A partir disto, fazer os RASTs individualizados para os múltiplos que deram positivo:

          f1 = Clara de ovo; f25 = Tomate; f77 = Betalactoglobulina; f2 = Leite de vaca; f26 = Carne de porco; f78 = Caseína; f3 = Bacalhau; f27 = Carne de vaca; f79 = Glúten; f4 = Trigo; f31 = Cenoura; f80 = Lagosta; f7 = Aveia; f33 = Laranja; f83 = Carne de galinha; f8 = Milho; f35 = Batata; f92 = Banana; f9 = Arroz; f37 = Coco; f93 = Chocolate (cacau); f12 = Ervilha; f44 = Morango; f202 = Castanha de caju; f13 = Amendoim; f47 = Alho; f207 = Marisco; f14 = Soja; f48 = Cebola; f208 = Limão; f17 = Avelã; f75 = Gema de ovo; f256 = Noz; f24 = Camarão; f76 = Alfa-lactoalbumina; rf287 = Feijão.

          Se nada disso der positivo, parta para a investigação das alergias tardias tipo IgG:

          http://www.alcat.com.br/
          http://www.food-detective.com.au/
          http://www.autismoinfantil.com.br/nossos-exames/exame-de-alergias-igg.html

          Por fim, a terceira alternativa é encontrar um médico ou nutricionista que faça o Vegatest e testar diretamente suas sensibilidades aos alimentos, ok?

          Abs

  40. ivalda lira disse:

    esqueci,já fiz vários exames e a resposta é sempre a mesma que é ansiedade,mas percebi que não era porque após uma refeição que fiz em um restaurante passei mal tive que ser hospitalizada e depois fiquei com diarreia colocando sangue,e não é a primeira vez que passo mal e tenho que ser socorrida ou tenho que vomitar a comida.obg

    • Ivalda:

      Com certeza os seus sintomas não são causados por um quadro de ansiedade, porque são bem indicativos de alergia alimentar.
      Embora a alergia alimentar também possa causar ansiedade e a ansiedade agravar os sintomas da alergia, o seu quadro é alérgico mesmo.
      Siga minhas orientações do outro post, ok?

      Abs

  41. livia disse:

    Dr. Boa tarde. Estou meio perdida, descobri a cerca de 1 mes que tenho alergia a leite, ovo, trigo, soja peixe.. dentre outros, uma leve atopia que deu no resultado. Descobri também atraves de uma endoscopia pois não etava passando muito bem nos ultimos dias que tenho uma leve gastrite também, estou aguardando o resultado definitivo para saber se tenho a bacteria ou não. Enfim.. nao sei o que comer..não sei se passo mal por causa da alergia ou se me sinto tao indisposta por causa da gastrite, tirei os alergicos completamente, mas me sinto fraca, dor de cabeça constante, as vezes fraqueza, não sei o que comer ao certo tem como me dar umas dicas?

  42. celielma dias de matos rodriques disse:

    minha filha sofre de alergia a poeira mas agora ela comecou a incha pode ser da alergia?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>